Conheça tudo da profissão do contador – atividade, formação e habilidade

A profissão do contador é muito importante nos dias de hoje, assim como é há bastante tempo. O contador não é apenas aquele que conta, obviamente. Ele tem uma atividade importantíssima em empresas e até mesmo para pessoas físicas. Saiba tudo sobre ele.

Para você entender essa importância, saiba que hoje em dia o contador usa de ferramentas de análise numéricas que podem melhorar (e muito) nas estratégias dos negócios. Isso tem a ver, também, com o gerenciamento de riscos, por exemplo.

Mas, vamos com calma. Para que o texto fique leve e você entenda de verdade essa profissão, que é sim muito encantadora, vamos separar o conteúdo em grandes tópicos: atividade, formação e habilidade.

As atividades de um contador

A verdade é que o contador vai poder atuar em várias funções e cargos, inclusive em vários tipos de negócios e de organizações, desde fabricantes até ONGs. Há ainda aqueles que se tornam executivos ou empreendedores, por exemplo.

Mas, para quem está interessado na profissão do contador nós vamos trazer aqui algumas das atividades mais comuns desse trabalho. A primeira delas é a de contador financeiro, que atua com relatórios de uma organização, supervisionando funcionários.

Tem ainda o contador de gestão (faz análises de custos e cria orçamentos), o auditor interno (que avalia sistemas e controles dentro da empresa) e o auditor externo (que é um profissional independente, que examina relatórios).

Uma boa notícia para esse começo de conteúdo é que uma pesquisa do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) mostrou que mais de 93% dos profissionais formados em ciências contábeis estão trabalhando na área.

A formação para ser um contador

A profissão do contador requer uma formação também. Isso porque no Brasil esse é um requisito obrigatório para trabalhar como contador, seja trabalhando para empresas ou de forma autônoma.

Assim sendo, quem quiser ser um contador vai precisar se formar na graduação de contabilidade ou, como alguns dizem, ciências contábeis. Em algumas faculdades existe a diferença para o curso de graduação e técnico, fique atento a isso.

Além do mais, uma boa dica é sempre pesquisar se a sua universidade ou a que você está buscando tem o aval do MEC, que é o Ministério da Cultura e Educação, para funcionar.

Sendo que após isso também será preciso passar no exame do CFC, que torna o profissional habilitado para o mercado de trabalho. O exame do CFC é tipo um exame da OAB para os advogados.

As especializações!

Aqui dentro desse tópico vale citar um ponto importante, que é sobre as especializações. Por exemplo, o contador que pretende atuar como auditor de empresas com capital aberto (na bolsa de valores) precisará passar em novos testes.

Isso porque ele tem que ter o CNAI, que é o Cadastro Nacional de Auditores Independentes.

Já quem quiser atuar como auditor de bancos tem que passar pela licença do Bacen, que é o Banco Central do Brasil. E quem quiser atuar no ramo de seguros vai precisar passar nas provas da SUSEP, que é a Superintendência de Seguros Privados.

Ah, também é interessante saber que um técnico em contabilidade tem as mesmas funções de um bacharel em ciências contábeis, exceto pelo fato de não poder exercer funções como de auditor, perito e revisor de balanços.

As habilidades de um contador

Agora que você já conhece uma boa parte da profissão do contador, pode ser que você tenha ficado com alguma dúvida sobre: “o que é preciso ter para ser um contador”? Além do curso de graduação, algumas habilidades também são importantes para se dar bem na profissão.

Por exemplo, você deve ser alguém que tenha facilidades em lidar com relatórios, liderança, gestão, estratégia, inovação, finanças, sustentabilidade, leis, impostos, auditorias, garantais, governança, risco, controle, stakeholders, ética.

Isso conforme a Association of Chartered Certified Accountants (ACCA). Essa é uma associação que tem mais de 170 mil membros ao redor do mundo. E lista essas competências como sendo diferenciais de mercado.

Agora, apesar de a lista parecer grande, saiba que você vai aprender uma boa parte disso no curso da graduação que você fizer. E, mais do que isso, outra boa parte das habilidades são características pessoais, que são comuns a vários tipos de trabalhadores.

Bônus – e o salário do contador?

A gente teria um texto incompleto se não citássemos aqui o salário médio do contador brasileiro. Apesar de ser uma profissão que não deve ser escolhida apenas pelo salário, esse item é bem importante na hora de uma pessoa optar pelo curso de contabilidade.

Portanto, com base nas informações do Guia da Carreira, considere que os salários médios variam muito de estado para estado. Abaixo, a gente tem uma lista que o site divulgou mostrando os pisos salariais dos graduados em ciências contábeis:

  • Rio de Janeiro – R$ 3.267
  • São Paulo – R$ 2.288
  • Santos – R$ 1.827
  • Distrito Federal – R$ 4.754
  • Rio Grande do Norte – R$ 3.559
  • Bahia – R$ 1.800

Dessa forma, também é importante considerar que há cargos que pagam os melhores salários dentro da profissão do contador. É o caso do diretor financeiro, que ganha na média dos R$ 19 mil ou do gerente de contabilidade, que recebe mais de R$ 8,5 mil no mês.

Veja esses 7 cursos com ótimos salários para os profissionais

Entre os cargos com salários mais baixos, a gente tem o de tesoureiro, que ganha pouco mais de R$ 1,7 mil; de técnico contábil, que recebe pouco mais de R$ 1,8 mil mensais e a de analista de contas a pagar ou receber, que tem salário de pouco mais de R$ 2,6 mil.