Garantia e Dinheiro: Os 5 Concursos Federais mais aguardados em 2017. (Bônus: Leitura Dinâmica)

0
100

Os Concursos Federais são os que têm melhores salários no Brasil e, talvez por isso, são os que possuem também o maior número de inscritos. Sabendo disso, o ideal é que os candidatos comecem se preparar o quanto antes para garantir uma vaga e ter a segurança profissional que tais vagas proporcionam.

Outra movimentação importante nesse mercado deve-se ao fato de que, com a crise político-econômica, muitos estudantes ficaram receosos quanto aos concursos, no entanto, o Governo Federal já afirmou que pretende preencher mais de 7 mil vagas neste ano. Fato constatado no Orçamento da União e encaminhado ao Congresso Nacional.  Esse número de vagas é 27 vezes maior do que as vagas permitidas no orçamento do ano passado, uma excelente notícia para quem tem interesse em mudar de vida ainda este ano.

Vale a pena estudar para concurso público? 7 Verdades sobre eles

Isso sem contar ainda com o fato de que, segundo o Folha Dirigida, os demais poderes também vão abrir concursos em 2017 e a previsão é a de que sejam mais de 9,2 mil vagas, sendo a maior parte para o poder Judiciário, além de outras no Poder Legislativo, Ministério Público da União e no Conselho Nacional do Ministério Público e na Defensoria Pública da União. Também no Executivo Federal, há previsão para mais de 5 mil vagas nas Forças Armadas.

Selecionamos 5 concursos públicos federais que devem ter editais lançados ainda nesse semestre, conforme previsão de analistas e especialistas.

1 – Polícia Rodoviária Federal

É preciso ter nível superior em qualquer área e os salários são de 9 mil reais. A prova é feita com questões das seguintes áreas: Matemática, Direito Constitucional, Ética, Noções de Informática, Direito Administrativo, Penal, Processual Penal, Legislação Especial, Direitos Humanos e Física Aplicada à Acidentes Rodoviários.

O concurso é organizado pelo CESPE/UnB (Vamos ter um tópico falando sobre essa banca, ao final do artigo) e no último edital, que é de junho de 2013, o valor da taxa de inscrição era de 150 reais. A prova foi dividida em Objetiva (Conhecimentos Básicos e Específicos), Discursiva, Exame Físico, Avaliação de Saúde e Psicológica, Investigação Social e Avaliação de Títulos.

O edita do último concurso está disponível em: Polícia Rodoviária Federal – Edital 2013!

2 – Polícia Federal

Também exige o ensino superior em qualquer área e tem um salário médio de pouco mais de 9 mil reais. Entre os temas da prova estão: Língua Portuguesa, Informática, Atualidades, Raciocínio Lógico, Administração, Contabilidade, Economia, Direito Penal, Direito Constitucional, Legislação Especial e outros.

O concurso é organizado pelo CESPE/UnB e no último edital, que é de setembro de 2014, o valor da taxa de inscrição era de 150 reais. A prova foi dividida em Objetiva (Conhecimentos Básicos e Específicos), Discursiva, Exame Físico, Avaliação de Saúde e Psicológica.

Acompanhe o último edital no link: Polícia Federal – Edital 2014!

Veja os Concursos Abertos para Polícia Federal, Marinha e outros que pagam a partir de R$ 10 mil

Se você gostou dos salário e acha que tem aptidão para ser um Policial Federal, então, vai precisar ler essa notícia: Como Ser Aprovado no Concurso da Polícia Federal! Nela falamos tudo, o passo a passo, as melhores dicas, os tipos de provas, como ir bem nelas e os números atualizados! Confira já!

3 – Banco do Brasil

O Banco do Brasil não exige ensino superior, mas sim o ensino médio completo e oferece um salário médio de mais de 3,6 mil reais. A prova é composta por questões de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Atualidades, Cultura Organizacional, Técnica de Vendas, Atendimento, Domínio Produtivo de Informática, Conhecimentos Bancários e Língua Inglesa.

No início dessa semana, produzimos uma matéria completa sobre o Concurso do Brasil 2017: 3 Maneiras Infalíveis para ser Aprovado no Concurso do Banco do Brasil em 2017! Nela contamos sobre a expectativa de abertura do concurso, uma história real de um morador de rua que obteve sucesso nessa prova e, claro, demos as melhores dicas para você alcançar o objetivo de passar no Concurso do Banco do Brasil. Leia!

4 – Correios

É como o Banco do Brasil e exige o ensino médio completo e oferece salário um pouco menor, de 3 mil reais. Na prova cai apenas questões da área de Matemática, Informática e Língua Portuguesa. E o concurso é organizado pela CESPE. O último edital disponível é de 2011, e você pode ver aqui: Correios – Edital de 2011.

5 – Receita Federal

Exige Nível Superior e oferece salário de quase 10 mil reais. As questões são de Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Raciocínio Lógico, Direito Constitucional e Administrativo, Tributário, Informática e outros. O último edital disponível é de 2012 e foi organizado pela ESAF. Na época foram disponibilizadas 750 vagas. Veja na íntegra: Receita Federal – Edital de 2012!

Reprodução: Google

Para Saber Mais: Os 4 Segredos da Memorização

1 – Quanto mais tempo se estuda determinado assunto ou tema, mas se fixam na memória as informações… As coisas não são bem assim. Em recentes estudos ficou provado que as pausas entre os estudos são mais eficientes do que ficar muito tempo estudando sem parar. O período de sobrecarga afeta a memória e a aprendizagem. Variar o local de estudo também pode aumentar a possibilidade de recuperação de dados importantes.

2 – Ler devagar ajuda na memorização… Também não é verdade. Existem técnicas de leitura que não dependem da velocidade e, ao contrário, leitores mais lentos que sobrecarregam a memória operacional e não deixa espaço vago para o entendimento do assunto. Isso acontece através da Leitura Dinâmica! (Vamos ter um tópico para falar mais disso, abaixo)!

3 – Outro mito é sobre os alunos que aprendem mais por terem algum sentido mais aguçado, em detrimento de outros, tais como surdos, mudos ou cegos. Na real, todos os sentidos depende do que é estudado e de como isso é feito.

4 – Desenvolvimento de algum lado específico facilita o aprendizado. Na verdade, funciona assim: o lado direito do cérebro coordena a linguagem e o esquerdo fica com as emoções. Porém, todos passam pelos 2 hemisférios, que trabalham em conjunto.

Leitura Dinâmica: O que é?

É um método que trabalha com técnicas para ler mais rápido, o que o torna uma ferramenta essencialmente útil para quem quer estudar para concurso. Como isso é possível? Porque você elimina os vícios da leitura, aumenta a concentração e melhora a compreensão do texto. É comprovado? Já foi mostrado que a velocidade da leitura pode ser compreendida sem que você perca a retenção de conteúdo e, em alguns casos, será possível ler até 1 mil palavras por minuto.

Reprodução: Google

Veja o passo a passo para iniciar a Técnica da Leitura Dinâmica!

1 – Descubra o seu tempo de leitura: Escolha uma página de uma revista ou livro e leia durante 1 minuto, anotando o ponto de início e o final. Conte o número de palavras em 3 linhas, divida o resultado por 3 e obtenha o número médio de palavras por linha. Agora, conte o número de linhas lidas e multiplique esse número médio das palavras. O resultado é a sua velocidade de leitura de palavras por minuto.

Apenas para você ter uma comparação da sua atual situação, saiba que a velocidade média do brasileiro é de 170 à 190 palavras por minuto!

2 – Descubra os seus maus hábitos de leitura: A forma que você lê pode ser um desses hábitos, mas não só. Um hábito originado na escola é o de ler por vocalização, ou seja, quando você precisa repetir (mesmo que mentalmente) a pronuncia de palavra por palavra. Isso só vai atrasar sua leitura.

A releitura inconsciente também é um hábito ruim. E acontece quando você volta os olhos para uma frase que acabou de ler. Pode parecer bobagem, mas isso faz você perder segundos importantes. A Regressão Consciente também é parecida com esse comportamento e acontece quando você já leu, mas prefere voltar para ter certeza de que leu. A solução para esses casos é não interromper a leitura.

Reprodução: Google

Usar o dedo indicador como guia também não te favorece. Apesar de ser um hábito nocivo, ele pode prejudicar a visualização de algumas palavras enquanto você lê.

3 – Use Técnicas realmente Eficazes: Skimming é uma pré-leitura rápida que consiste correr os olhos pelo texto na busca por palavras-chaves, normalmente, em negrito, itálico ou sublinhada. Assim, você terá uma visão geral da ideia do texto e vale para saber se você deve continuar a leitura ou não. Já o Scanning é usada para encontrar uma informação específica.

A Meta Guiding é usada, muitas vezes, instintivamente, e é muito eficaz. É quando você usa um objeto para guiar os olhos sobre as palavras. O ideal é usar um objeto fino, como um lápis e assim, você evitará distrações.

Antes de Continuarmos com o texto, veja o vídeo abaixo, gravado pelo especialista Renato Alves!

Leitura Rápida x Leitura Dinâmica

Existe uma diferença entre os dois. A Leitura Rápida com compreensão possui o objetivo de fornecer uma visão global do conteúdo que será abordado.

Seria como ir ao shopping sem levar dinheiro. Você faz um passeio pelo texto, verificando o tamanho do texto, a complexidade do texto, se possui imagens ou não, se você terá tempo para estudar aquele texto ou não. Com a Leitura Rápida, você irá verificar se você irá avançar ou não na leitura. Ela é fundamental, mas não tem a pretensão de que você irá completar o texto, apenas para verificar se o conteúdo merece uma leitura aprofundada ou não.

A Leitura Dinâmica, é um tipo de leitura mais rápido que o normal, mas em um nível de compreensão que você consegue compreender o assunto. Você lê o texto para aprender, mas aplicando as técnicas, você consegue ler de 3 a 6 vezes mais rápido que uma pessoa normal.

Estes tipos de Leitura pedem alguns pré-requisitos. Neste mundo de muita informação, é preciso que você tenha recursos para ler mais rápido. Gostou de conhecer mais sobre a Leitura Dinâmica? Então, leia um texto completo sobre ela: aqui!

As 10 Melhores Dicas para Você Gabaritar as Provas do Cespe/UnB

foi através de concursos como da AGU (Advocacia Geral da União), Banco do Brasil, Petrobras, Conselho Federal de Psicologia, Câmara dos Deputados, INSS e tantos outros que a banca ficou famosa. Ah, e ficou famosa por ser muito exigente, vamos combinar! Então, para ajudar você, que muito estuda, separamos algumas dicas super valiosas para conseguir prestar essas provas com mais segurança e habilidade.

VALE A PENA ESTUDAR PARA CONCURSO PÚBLICO? 7 VERDADES SOBRE ELES

“São provas muito bem elaboradas, geralmente bem contextualizadas quando se trata, por exemplo, de língua portuguesa – questões sempre muito bem ancoradas no texto. E, é preciso ter muito cuidado porque a banca cria, muitas vezes, uma argumentação lógica para fundamentar um item que está errado”, diz o professor Rodrigo Bezerra.

O Perfil do Cespe: Como dito, a fama é de ser uma banca extremamente difícil e com aplicações de provas muito bem elaboradas. As questões vão além das fórmulas e exigem muito raciocínio e a capacidade de interpretar dados. Os textos costumam ser longos e falta de atenção derruba a maioria dos candidatos. Então, aqui vale a primeira dica: saber usar o tempo à seu favor.

As correções do Cespe: Na maioria das vezes, a modalidade é de múltipla escolha, mas existem casos que usa-se o “Certo ou Errado”. A tática é infalível para derrubar os despreparados e, além disso, dificulta o chute. Ah, esse é um ponto bastante diferente e que vale ser estudado: as correções são feitas no sistema de 1×1 e 2×1. Ou seja, quando você erra uma questão, você anula uma acertada. E, a cada dois erros, um acerto é anulado.

Confira essas 10 Dicas para Mandar Bem no Cespe!

Técnica da Memorização

O que poucos sabem é que, apesar de ser possível estudar 12 horas por dia, se você aplicar a técnica da memorização, poderá reduzir esse tempo pela metade. O Estudo faz parte do cotidiano da maioria dos funcionários públicos que hoje exercem a profissão.

Uma pesquisa feita pelo Grancursosonline mostrou que 65% dos candidatos que foram aprovados em concursos públicos trabalham e estudam ao mesmo tempo. Além disso, havia relatos de pessoas que estudaram apenas com material emprestado e usando boas técnicas de aprendizagem, ou seja, não precisaram investir muito dinheiro. Por isso, não é a falta de tempo ou dinheiro que deve ser um empecilho para você não ser um servidor público.

Incrível Técnica para Otimizar seu Estudo: Conheça um pouco mais sobre o Renato Alves e essa técnica que pode alavancar os seus estudos e as suas chances de passar no concurso público. Assim, a memória envolve um complexo mecanismo, que embora exista dentro de nós, não é consciente, e que abrange o arquivo e a recuperação de experiências, portanto, está intimamente associada à aprendizagem. Veja o vídeo abaixo:

Com informações do SegredodeConcurso

Garantia e Dinheiro: Os 5 Concursos Federais mais aguardados em 2017. (Bônus: Leitura Dinâmica)
5 (100%) 1 vote

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.